5 motivos para participares no Bloggers Camp

bloggers-camp2
Créditos: Bloggers Camp
Não podia começar este blog sem recordar um dos momentos mais importantes do ano passado, que contribuiu em tanto para o nascer deste blog – o Bloggers Camp.

Para quem não sabe, este projecto foi criado por três bloggers, a Catarina Alves de Sousa (Joan of July), a Ana Garcês (Infinito mais Um) e a Catarina Costa (Daydreams), que sentiram necessidade de aproximar a blogosfera através da partilha de experiências e conhecimentos. Fizeram-no através do primeiro encontro nacional em 2015, com palestras e workshops para bloggers e foi tão bom que este ano já festejam a quarta edição. Quatro anos de sucesso, é incrível não é?

bloggers-camp-catarina-ana-catarina
Créditos: Bloggers Camp

A Minha Experiência

O ano passado, graças a um verdadeiro acaso do universo, enquanto fazia scroll no meu Facebook vi uma publicação do evento, totalmente desconhecido para mim. Aguçada pela curiosidade, decidi tentar a minha sorte e pedir mais informações, a uma semana do evento. Não só me inscrevi de imediato – assim que vi o programa – como uns dias antes do evento, já estava a participar numa tertúlia no Jardim das Conchas com as organizadoras e algumas participantes.

bloggers-camp-tertulia-by-bloggers-camp
Créditos: Bloggers Camp
Tenho de vos dizer que a primeira impressão foi muito boa, lembro-me de apesar de alguma vergonha inicial, me sentir maravilhada com tudo e ansiar que o fim de semana chegasse. E quando chegou, meu Deus, foi incrível.

Era capaz de ficar horas a falar do encontro do ano passado e do quão impactante foi para mim esses dias (talvez venha a escrever sobre isso aqui no blog), mas para já, quero dar-vos alguns motivos para estarem presentes na edição deste ano. No final deste post poderão também ver alguns artigos que outros bloggers escreveram sobre o assunto. Assim, somos muitos a convencer-vos. 😛

bloggers-camp-2017

5 MOTIVOS PARA PARTICIPARES NO BLOGGERS CAMP 2018

1. Programa [e um motivo extra chamado: Porto]

O programa é das coisas mais importantes de qualquer evento, é o cartão de visita que queremos agarrar para não nos esquecermos daquele contacto. Este ano, pela primeira vez o Bloggers Camp vai ter também numa edição do Porto, o que só nos dá vontade de ir aos dois, porque os speakers são incríveis. Em Lisboa, vamos ter escrita criativa com a Rita da Nova (a deusa da escrita criativa que vos falei aqui), fotografia de Instagram com a Joana Clara (que tem um dos feeds de Instagram mais bonitos do mundo e que tirou as fotografias mais lindas deste blog), a maravilhosa Sofia do Às Nove no Blog, que nos vai falar sobre Criatividade e Motivação (que é só das pessoas mais bonitas e divertidas que conheço) e a Joana de Vivre, que nos vai falar sobre vídeo e que eu estou ansiosa por conhecer!

A norte temos uma mão cheia de talento, com a Raquel e o Fred do We Blog You a ensinar-nos tudo o que sabem sobre comunicação nas redes sociais (quem não é fã deles?), a Margarida Coelho, do blog Le Maggs, que vai falar-nos sobre comunicar pelo olhar na fotografia e a Bárbara Marques, do blog My Kind Of Joy, que vai falar sobre esse tema tão importante de conseguir de conciliar blog e trabalho full-time. Para terminar em grande a Vânia Duarte, do Lolly Taste (que eu adoro de paixão e que criou uma hashtag #porum2018maisconsciente), aborda um tema muito atual e que deve ser discutido e repensado aqui na blogosfera: a influência e responsabilidade Social.

2. Local

Lugares inspiradores que nos fazem querer escrever e fotografar ainda mais: check! Podem fazer o “visto” nesta lista, porque “confere”! A Academia Às Nove, vai receber em Lisboa o evento nos dias 2 e 3 junho, em Lisboa e nos dias 31 de Junho e 1 Julho, o NOW_Porto vai marcar encontro com a malta do norte.

3. As pessoas

O melhor do melhor, são sempre as pessoas. Contextualizando, quando participei no Bloggers Camp não tinha nenhum blog, não conhecia ninguém – literalmente – nem virtualmente. Mas o espírito que se cria é de uma intensidade tão boa, de um desejo de conhecer o outro e saber quais são os seus motivos para estar ali, que os laços estabelecem-se naturalmente, porque há algo forte que nos une – o amor pelos blogs. Fiz amizades bonitas, grandes, que sei que me vão acompanhar para a vida e conheci muitas pessoas cheias de talento. São essas pessoas que te suportam, que compreendem que é preciso fotografar antes de comer e que não se importam que fique tudo frio, que estão sempre a incentivar-te, no meu caso, sempre a perguntar: “Então, e esse blog? Quando é que sai?” e isso contribuiu muito para este blog existir hoje.

4. Tempestade de Criatividade

Se tivesse de escolher um super-herói para o Bloggers Camp, seria algo como uma Creative Storm. Uma tempestade louca de ideias a surgirem a toda a hora e por todo o lado, um novelo de lã interminável que quando puxas uma ponta, vem tudo atrás e não há fim à vista. É mesmo assim que acontece e se há por aí alguém com bloqueios criativos, depois deste fim de semana vão deixar de haver.

5. E depois do adeus?

Acontece a vida! O fim de semana no Bloggers Camp é super especial e é também o começo de muitas coisas bonitas. Existe sempre um momento de pitch partilhado por todos, onde cada um expõe as suas ideias e ouve as dos outros. Trocam-se competências, experiências e surgem projetos incríveis que saltam do papel para a realidade, como este do Blogging For a Cause.

bloggers-camp-pitch-margarida-pestana
Depois disto tudo, se ainda não estiverem convencidos, podem ler estes testemunhos feitos na primeira pessoa de vários bloggers que estiveram presentes na edição passada:

♥ Os bilhetes para o Blggers Camp 2018 já estão à venda. Podem encontrar todas as informações referentes a este evento no site.

7 comments

  1. Minha querida Maggie… Nem sei o que dizer. As tuas palavras são tão bonitas e a confiança que depositaste no Bloggers Camp desde que o encontraste aleatoriamente no teu feed do Facebook comovem-me. Foste das participantes mais entusiasmadas que já tivemos e somos umas sortudas por te ter nas nossas vidas e por te teres cruzado no nosso caminho. <3 Falo pelas três, sim!

  2. Gosto especialmente do ponto 3 e 4. Adoro o conceito de tempestade criativa. Não senti o ambiente na pele mas pude testemunhá-lo, especialmente e depois do adeus. Acho que me resguardei atrás do meu bem precioso e da minha vergonha… Vou ficar à espera de sentir as boas vibes do Bloggers Camp. Tenho pena de não conseguir ir este ano. Quem sabe em 2019? Beijinhos *

  3. Olha eu ali a falar com as mãos 🙂 Tempestade de criatividade é claramente a melhor descrição do que aocntece num pós bloggers camp, é indiscritvel o quanto a cabeça não para nos dias, semanas e meses depois 🙂 Quanto ao ano passado, conhecer-te foi um dos pontos altos do Bloggers Camp 2017 e tenho a certeza que este ano vai ser ainda mais incrível viver este evento bem ao teu lado. Beijo grande minha miuda 🙂

    1. Naquele momento eu comecei a chorar e tu vieste abraçar-me, nunca me vou esquecer. As tuas palavras ressoaram em mim e revi-me em ti. Temos feito um percurso do caraças e o melhor está sempre por vir. Obrigada por me teres recebido no teu mundo, de braços abertos desde o dia um. Foste uma das melhores coisas que aconteceu no bloggers camp e agora, de toda a vida também. Minha bonequinha <3

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

CommentLuv badge

Segue-me

  • Tenho saudades de levantar voo. Do friozinho na barriga quando sentes aquele ímpeto em direcção ao céu.
Pertenco a todos os lugares onde nunca fui e me esperam. E a todos aqueles onde deixei um pouco de mim.

Para onde vou agora?
// postcard from Geneve, 2015.
  • Não é o #10yearschallenge mas a diferença é de apenas um ano.

Em agosto de 2010, rumei a Cabo Verde com o grupo de escuteiros em que me incluía.
Já nesta altura a máquina fotografica me acompanhava.

Comecei a tomar mais gosto e a desejar ter esta princesa, quando o Rui, meu colega de grupo, começou a levar a dele para os acampamentos e atividades. Os meus olhos brilhavam sempre que pegava na máquina fotográfica dele e desatava a disparar cliques aqui e ali. Ainda sem grande noção do que fazia, sem grande intenção, mas extremamente apaixonada.

Depois de Cabo Verde, andamos por Londres, Barcelona, Antuérpia, Bruxelas, Paris, Genebra e tantas outras cidades do País, sempre juntas.

Tenho a minha 77D há menos de um ano. Fizemos a primeira viagem até Madrid e já só sonho com novas aventuras por aí fora.
Se há coisa que gostava, era de viajar pelo mundo para o fotografar.

Também tens um sonho, daqueles incríveis? 📸 @ruipperes
  • "Gostaria de crer que isto é uma história que estou a contar. Preciso de crê-lo. Tenho de crê-lo. Aquelas que conseguem acreditar que semelhantes histórias são apenas histórias, têm melhores possibilidades.
Se é uma história que estou a contar, então posso controlar o fim. Então haverá um fim, para a história, e a vida real virá depois. Posso retomar o fio onde me interrompi."
.
📚 // ainda não cheguei a meio desta história e ja me embrulhou o estômago várias vezes.
.
Assusta-me pensar que, talvez não tenha sido há tanto tempo assim uma realidade semelhante ou que, a distância futura não me pareça tão descabida.
.
É aterrozizador pensar nisto, mas quando olho o mundo a cru vejo a loucura insana e o desrespeito constante pelo outro.
. 
É uma história perturbadora mas é também um agitador de águas. Que tenhamos a lucidez necessária para reconhecer todos os sinais!
.
➸ para janeiro em #umaduziadelivros: Crónica de Uma Serva, de Margaret Atwood
  • Mais 365 novos dias para fazermos o que nos faz feliz.

Estou a aproveitar esta semana para preparar o ano, que não consegui deixar tudo pontinho antes do final do ano. É mesmo assim, fazer e refazer. 🙈

Estou a aproveitar as dicas que a @filipammaia deixou num dos seus videos do YouTube e a construir - passito a passito 💃 - o planeamento para os próximos 6 meses. Dá tantooooo jeito, mesmo para quem não tem um negócio, é interessante pensar naquelas questões todas ⇛ Ide lá ver 🙌🏼 // Quem reparou que temos um visual diferente por aqui?
É verdade, este refresh vem acompanhar o blog que também tem cara lavada, para ver já amanhã! 🤗

Aos inícios! 🥂
#mpestanaphoto
📷 @anapestana_
#tribejldesign
  • ⟴ DIVERSÃO // Foi esta a palavra que escolhi para me acompanhar no ano de 2019.
Se o ano que passou foi muito dedicado ao trabalho e à descoberta de mim mesma neste aspecto, agora é tempo de relaxar um bocadinho e curtir.

Falta-me isso. Falta-me rir até doer a barriga, fazer coisas meio malucas e aproveitar. Não quero muito, não existem muitas resoluções a não ser, divertir-me. Curtir tudo o que vier. Equilibrar o Yin-yang e priorizar ser feliz, seja lá como for.

Que o vosso ano, seja também repleto de diverso.
💃🎉
#mpestanaphoto
#tribejldesign
  • ⟴ DIVERSÃO // Foi esta a palavra que escolhi para me acompanhar no ano de 2019.
Se o ano que passou foi muito dedicado ao trabalho e à descoberta de mim mesma neste aspecto, agora é tempo de relaxar um bocadinho e curtir.

Falta-me isso. Falta-me rir até doer a barriga, fazer coisas meio malucas e aproveitar. Não quero muito, não existem muitas resoluções a não ser, divertir-me. Curtir tudo o que vier. Equilibrar o Yin-yang e priorizar ser feliz, seja lá como for.

Que o vosso ano, seja também repleto de diverso.
💃🎉
#mpestanaphoto
#tribejldesign